Open post
Tzatziki 6

Tzatziki

Tzatziki. Um nome espetacular para um pepido ralado a nadar em iogurte. É que até parece que sabes cozinhar, quando apresentas tal iguaria. “Queres ir jantar lá a casa? Faço só o meu tzatziki, até te passas maluco!”. Pois é. Mas não, é mesmo só pepino ralado com iogurte.
É que tzatziki soa a uma espécie de espada lendária do Império Otomano. Algo do tipo – “Bahadir, filho de Behram, ergueu a sua mítica lâmina,Tzatziki, e soltou um rúgido que fez estremecer o califado.” Mas não, é só mesmo pepino ralado com iogurte.
Fora de brincadeiras, eu até gosto muito de tzatziki. É um óptimo complemento para muitas receitas, além de um dip fantástico para comer com pão.
Pepino é um ingrediente aborrecido e sem graça para a maioria das pessoas. E até sou obrigado a concordar. Também não sou um grande fã de pepino na sua forma mais natural, mas é um ingrediente bastante versátil. É muito saboroso e salteados estilo oriental ou em conserva, por exemplo. E, além disso, é o ingrediente principal da nossa receita de hoje. E não é todos os dias que podes chamar a algo de tzatziki.

Read moreMore Tag
Open post

Arakas me Aginares – Ervilhas (Griséus) com Alcachofras

Cenas à parte, todos os meus pratos preferidos tinham um componente em comum em destaque – uma proteína animal. Sim, eu não sou vegano porque gostava menos de carne ou de peixe do que tu. E não, não sinto falta, seja lá o que isso signifique. Mas apesar de os produtos animais terem desaparecido da minha alimentação, o fascínio por certos alimentos continuou. Continuo a adorar tachadas com feijão, repolho e batata-doce, continuo a comer grão, mesmo sem bacalhau e continuo o maior fã de griséus. E as sardinhas que fiquem lá com as cenas delas.

Read moreMore Tag
Scroll to top